Histórico


Etos significa “modo de ser, identidade interior” e, com este princípio, visa ser um periódico científico acolhedor da diversidade de pensamentos e práticas.

É oriunda das propostas do Projeto Etos, que vem sendo desenvolvido desde 2016, e que nasceu através dos estudos acadêmicos de mestrado e doutorado dos Profs. Drs. Eduardo Córdula e Glória Nascimento, tendo o apoio da ONG  MAR.

O nascimento da Etos ocorreu em janeiro de 2017, inciando como e que evoluiu para um periódico cientifico nacional.

Desde então, a Revista Etos vem promovendo ações na divulgação do conhecimento, com acesso livre à todos que busquem nela, ampliar seus saberes, para inovarem suas práticas e assim, ampliarem o seu fazer profissional.

Sua dimensão e formatação, visa atender as exigências nacionais, com qualidade, praticidade e segurança, para que os autores submetam seus estudos e pesquisas.

A cada edição a Etos evolui para ampliar sua qualidade, adotando novos parâmetros editoriais. Razão esta que, por ser um periódico sem fins lucrativos, não possui capital próprio para sua manutenção. Assim, solicita-se ao(s) autor(es), a contribuição com uma taxa mínima, que será revertida tanto para sua manutenção, como para apoiar as ações e projetos de pesquisa desenvolvido pelo seus criadores e pela ONG MAR, além de custear a sua manutenção e a emissão do DOI para cada trabalho publicado.

Assim, em 2019, adotou o DOI para cada trabalho publicado e inciamos uma mudança na sua interface digital, baseada no software de livre acesso OJS (Open Journal System), porém, mais acessível a todos.

Ratificamos que, os valores das taxas de publicação são para a atribuição do DOI, para a manutenção da plataforma e da interface digital, para a anuidade da ABEC (Associação de Brasileira de Editores Científicos), na qual a Etos está cadastrada, e para apoio às ações e projetos socioambientais da ONG MAR.

Desta forma, a Revista Etos coloca como ápice de seus objetivos a ciência, a pesquisa, o ensino e a extensão, para o desenvolvimento e divulgação científica nacional e para toda a sociedade, com qualidade, ética, compromisso, respeito e ação social.